Maiores Manifestações no Brasil

Você parou para se perguntar quais foram as maiores manifestações que aconteceram no Brasil. Talvez se sim, teve dificuldade em dar  uma resposta! E é simples a dificuldade em classificar uma manifestação como uma das maiores , o que é acontecem que é faltam os critérios e objetivos para avaliar. Poderáimos pensar que são aquelas cujo o número de participante levou o maior número de pessoas para rua. Neste caso, as principais manifestações aconteceram  antes da década de 1960, mesmo assim não é simples fazer qualquer tipo de ranking sobre o assunto.

Manifestações

Manifestações

Outro motivo que faz com que fique difícil classificar uma manifestação sendo como a maior e deixar uma outra de fora  tem a ver com os números. Quando eles existem, não retratam nunca a realidade, normalmente, eles costumam ser manipulados por simpatizantes ou pleos adversários, aqueles que são contra as tais manifestações. Quem organiza tenta aumentá-los ao máximo, quem é contra ou tem alguma coisa a perder com as manifestações, chuta para baixo, tentando diminuí-los.Os históriadores afirmam que é muito difícil “estabelecer uma hierarquia de movimentos populares no Brasil, sem situá-los em suas conjunturas e compreendê-los em seus processos históricos”. Isso significa que não dá para avaliar as manifestações sem entender tudo o que está por trás dela e julgá-la maior ou menor.

Mesmo assim, não tendo os dados suficientes para avaliar e com todos os “pórens’, dá para fazer uma lista com algumas grandes manifestações populares, que entraram para a história do Brasil.

Revolta da Vacina (1904)

Era o ano de 1904 e a população da cidade do Rio de Janeiro queria que o governo combatesse as  epidemias na cidade. Nesta época, o sanitarista Osvaldo Cruz tinha acabado de conseguir que a vacina contra a varíola fosse obrigatória, todas as pessoas a partir daquela época deveria receber a dose do remédio. Foi então, que em novembro de 1904, a população insatisfeita com a medida, se  revoltou e milhares delas saíram pelas ruas protestando. Podemos dizer, segundo os historiadores que foi uma grande manifestação, mas não há estimativas exatas do número de participantes.

Imagem de Amostra do You Tube

Suicídio de Getúlio Vargas (1954)

Demorou muito para que o povo voltasse as ruas, depois da revolta da vacina. Somente em 1954, quando o Brasil passava por uma forte crise política, o então presidente Getúlio Vargas se suicidou. Isso aconteceu em agosto de 1954. O ex-presidente deixou uma “carta-testamento”, fazendo várias críticas a quem era contra o seu governo, o que fez com que  o clima de comoção pelo suicídio e morte de Getúlio se transformass em revolta. Foram desencadeadas várias manifestações populares  em diversas cidades do Brasil, nos dias que vieram seguidos da morte. Na época, algumas poucas estimativas que foram feitas apontavam que o número de pessoas que foram as ruas chegava até 3 milhões somando o total de cada cidade.

Imagem de Amostra do You Tube

Marcha da Família e Marcha da Vitória (1964)

Em 19 de março de 1964, os manifestantes se reuniram na cidade de São Paulo, segundo estimativas eram  quase 500 mil pessoas, no movimento que foi intitulado a “Marcha da Família”. O  protesto era  contra o então presidente João Goulart.

A manifestação acabou provocando, em poucos dias, a saída obrigatória de João Goulart da presidência. Em seguida, as pessoas voltaram as ruas,  em 2 de abril, os números apontam para cerca de 1 milhão de pessoas que estiveram presentes na cidade do Rio de Janeiro, naquela que foi chamada a “Marcha da Vitória” para comemorar a queda de Goulart. Pena que em seguida, os militares tomaram as rédeas do Brasil e passamos a viver numa ditadura por longos anos, sem inclusive, ter o direito de manifestar. Muitas pessoas foram mortas durante o regime militar porque tentaram reclamar dá censura imposta pelo governo autoritário.

Comícios das Diretas Já (1984)

Passaram-se 20 anos para que o povo se reunisse de novo em uma grande manifestação no Brasil. Essa, comícios das Diretas Já, aconteceu durante vários meses, entre janeiro e abril de 1984. A manifestação era feita de grandes comícios espalhados pelo país, que exijiam a volta das eleições diretas para presidente, que tinha sido anuladas em 1964, devido ao golpe militar.

Desses comícios a favor da volta das eleições canceladas pelos militares, podemos destacar dois maiores, que aconteceram  em abril: o primeiro deles na Candelária, na cidade do Rio de Janeiro, reunindo cerca de 1 milhão de pessoas no dia 10, assim dizem os números levantados na época; o segundo maior aconteceu no Vale do Anhangabaú, na cidade de São Paulo, o número estimado dessae movimento chegou a 1,5 milhão, e aconteceu no dia 16.

Impeachment de Collor (1992)

Depois de vencer nas ruas o direito de votar, os manifestantes elegeram o primeiro presidente, Tancredo Neves, que morreu e deixou o governo para o seu vice. O segundo presidente eleito pelo povo foi Fernando Collor de Melo. Porém, o mesmo povo que elegeu voltou as ruas para pedir a saída do presidente.

Depois de uma série de denúncias de corrupção que envolviam o presidente Fernando Collor e parte da sua equipe foram ao conhecimento da população através da imprensa em 1992, começou o movimento contra.

As passeatas, que pediam a saída do então presidente, aconteceram em vários estados brasileiros e o objetivo era um úncio, exigir o impeachment de Collor, o que na prática significava o seu afastamento da presidência.

Fora Collor

Fora Collor

Das manifestações populares nas ruas exigindo a saída de Collor, uma das principais aconteceu na cidade de São Paulo, no dia 18 de setembro. Segundo estimativas, pelo menos cerca de 750 mil pessoas foram as ruas.

Em 2013, os manifestantes voltaram as ruas, em várias cidades brasileiras, a maior concentração de pessoas aconteceu nas principais capitais do Brasil. O movimento que teve início após um aumento de 20 centavos no preço das passagens de São Paulo e do Rio, se espalhou e ganhou força contra outros problemas do país. Corrupção, precariedade no atendimento público, entre outros.

As manifestações aconteceram durante a  Copa das Confederações no Brasil, levando muita confusão e medo para as pessoas que não faziam parte do movimento, assim, como, principalmente, para os estrangeiros que vieram para o Brasil para acompanhar o evento esportivo. Mesmo com a redução no preço das passagens, os movimentos continuam e se juntam aos manifestantes, bandidos que aproveitam para saquear lojas e danificar ruas e comércio.

Outros Artigos

O Que é Fotorrealismo?

O Que é Fotorrealismo?(0)

Quando falamos em fotorrealismo estamos falando de uma escola de pintura, que tem como estilo  levar para as telas as imagens tiradas com uma câmera fotográfica.  Essa escola nasceu bem no fim dos anos de 1960 nos Estados Unidos. O fotorrealismo tem “raízes” na arte pop e características semelhantes ao expressionismo abstrato e também ao

Frases Sobre Força

Frases Sobre Força(0)

Num mundo cheio de violência e atrocidades, o que mais devemos ter em nosso coração é força e fé. Talvez mais fé, pois se tivermos força em demasia seremos capazes de ir além do podemos imaginar, especialmente quando tudo nos faz esmorecer. Ter força na vida ou de vida, não significa ser um indivíduo musculoso

Bolos Decorados Com Corações

Bolos Decorados Com Corações(0)

Um bolo além de saber deve ter uma aparência gostosa, pois enfim não comemos um doce somente com a boca, mas também com os olhos. Se você adora um belo doce e deseja arrasar no próximo bolo que fizer a dica é conferir as nossas dicas de como fazer bolos decorados com corações. A decoração

Armas de Destruição em Massa

Armas de Destruição em Massa(0)

A definição correta para armas de destruição em massa é que se trata de um tipo de arma que pode fazer um grande número de vítimas fatais. Também chamada de arma de destruição maciça, cujo a sigla usada é a abreviação ADM, com o seu uso pode matar uma grande quantidade de pessoas de uma

Desastre de Hillsborough

Desastre de Hillsborough(0)

Conhecida como Trágedia de Hillsborough, estamos falando de um desastre que aconteceu no Estádio de Hillsborough, na cidade de Sheffield na Inglaterra no dia 15 de abril de 1989. A confusão aconteceu durante a partida entre os times ingleses de Nottihgham Forest e Liverpool FC, em ocasião da semifinal da Taça da Inglaterra. A tragédia

leia mais

0 comentários

Enviar Comentário

Nome:
E-mail:
Site:
Comentário:

Links Patrocinados

Arquivo

Siga-nos!

Categorias mais Procuradas

© 2010-2019 Mega Artigos Todos os direitos reservados. Política de Privacidade