Meu Filho Tem Autismo? Quais São os Sintomas?

Uma em cada 88 crianças nascidas tem autismo. Basicamente, o autismo é distinguido por uma criança que tem problemas de comunicação e interação social.

Não há nenhuma maneira de evitar o autismo antes do diagnóstico. Os pais são aconselhados a procurar por sinais em seu filho, pois o autismo afeta diferentes partes do cérebro. A maioria das crianças pode ser diagnosticada a partir dos seis meses de vida. A gravidade dos sintomas varia muito, no entanto, todas as pessoas com autismo têm alguns sintomas comuns nas áreas de: habilidades sociais, linguagem e comportamento.

Esses padrões de comportamento também podem mudar. Mas a maioria das crianças com necessidades especiais luta para compreender e reconhecer os elementos básicos de se relacionar com as pessoas e o meio ambiente.

Sintomas Sociais Incluem:

1. Pouco contato visual

2. Resistência ao ser abraçado pego no colo

3. Gostar de ficar sozinho

Tire Suas Dúvidas

Tire Suas Dúvidas

Sintomas de Linguagem Incluem:

1. Atrasos de fala

2. Repetição de palavras

3. Confundir direções

Sintomas Comportamentais Incluem:

1. Movimentos repetitivos

2. Movimento constante

3. Tem rituais específicos a serem seguidos

Imagem de Amostra do You Tube

Outros Sintomas Podem Incluir:

1. Rodar sem ficar tonto

2. Insônia

3. Ficar balançando para trás e para frente.

4. Não gostava de ser tocado.

5. Não mostrar qualquer emoção ou empatia

6. Não gostar de brinquedos

7. Bater as mãos

É por isso que a terapia do autismo é tão importante na primeira infância. Existem dois tipos de terapia autismo: médico e educacional. Ambos funcionam muito bem quando se iniciam cedo na vida da criança.

Quando os tratamentos psicológicos não podem curar a doença completamente, a maioria dos especialistas acredita que o efeito geral é positivo. Programas concentrados que são introduzidos para pacientes com autismo em uma idade jovem, muitas vezes os ajudam a se integrar na sociedade, manter relações sociais, conseguir um empregos, etc.

Algumas das técnicas utilizadas em tratamentos psicológicos incluem: Análise do Comportamento Aplicada (ABA), terapias de fala e linguagem, desenvolvimento de habilidades sociais, terapias física e ocupacional.

As crianças autistas podem se tornar adultos que vivem por conta própria e até mesmo trabalham. É fundamental que os pais procurem um bom terapeuta especializado assim que perceberem esses sintomas no filho.

Saiba Mais

Saiba Mais

Tratamentos Mais Comuns Para Crianças Autistas

1. Análise Comportamental Aplicada

A Análise Comportamental Aplicada foi desenvolvida especificamente para o tratamento de autismo e é o tratamento mais pesquisado atualmente. O tratamento se concentra em ensinar determinado comportamento por meio de recompensa baseada em treinamento. Este é o tipo mais comum de terapia oferecida pelas escolas.

2. Terapia da Fala

Muitas pessoas que sofrem de autismo também têm problemas com a fala. Em certos casos, os portadores de autismo podem não conseguir falar nada ou falar muito pouco. Às vezes, não é a fala que é um desafio, mas a aplicação prática do discurso como uma ferramenta para desenvolver relações sociais. A terapia da fala é excelente para ajudar a todos os indivíduos com autismo.

3. Terapia de Habilidades Sociais

Um dos sintomas mais comuns do autismo é uma falta de habilidades sociais e de comunicação, e as crianças com autismo muitas vezes precisam de ajuda em tarefas como se relacionar com novos amigos e manter uma conversa. Terapeutas de habilidades sociais ajudam as crianças com autismo a desenvolver uma vasta gama de habilidades sociais baseados em redes de interação social.

4. Terapia Para Brincar

Pode parecer estranho, mas aqueles que sofrem de autismo muitas vezes precisam de ajuda para aprender a brincar. Brincar é muito importante para o desenvolvimento de uma criança, pois as brincadeiras podem ensinar muitas coisas úteis como a comunicação e habilidades sociais. O terapeuta aplica uma série de técnicas diferentes para que a criança aprenda a brincar.

5. Terapia Comportamental

Crianças com autismo muitas vezes ficam frustradas com facilidade. Uma vez que muitos deles têm dificuldade com a comunicação e hipersensibilidades a luz, toque, ou o som, não é difícil entender por que estas crianças agem dessa forma. Terapeutas comportamentais são treinados para detectar o que a causa esse comportamento. Em seguida, recomendam mudanças no ambiente a fim de eliminar tal comportamento.

Como Lidar Com uma Criança Autista

A criação de uma criança autista exige cuidado e esforço por parte dos pais. A seguir estão algumas dicas para os pais de crianças autistas em relação a educação e gestão das atividades:

1. Conheça o seu filho: O primeiro passo é conhecer o seu filho de perto. Você deve ter um conhecimento profundo de suas necessidades e temperamento. Se perceber qualquer sinal de comportamento incomum, você deve distinguir se foi causado pela condição de autista ou se ele está incomodado com algo.

2. Tenha Expectativas Reais: Como pai ou mãe de uma criança autista, você deve manter suas expectativas dentro da realidade dela. Você não deve esperar tranquilidade do seu filho durante o jantar, por exemplo, pois eles são inquietos por natureza. Então, você tem que ir passo a passo e começar com os objetivos que são realizáveis. Ensine-os a manter a calma por um curto espaço de tempo e depois, gradualmente, você irá conseguir deixá-lo calmo por mais tempo.

3. Crie um ambiente seguro: Criar um ambiente seguro é fundamental para uma criança autista. Como eles costumam ser mais agitados, é importante manter tudo em ordem para que ele não corra o risco de se machucar e se assustar.

Imagem de Amostra do You Tube

4. Mantenha um diário de desenvolvimento do seu filho: Manter um registro da história de desenvolvimento da criança pode ser interessante tanto para os pais quanto para o médico que cuida dela. Anote até mesmo de a menor mudança no padrão de comportamento do seu filho. Isso vai ajudá-lo a determinar os fatores que aceleram ou retardam o crescimento dele.

6. Mantenha uma rotina: As crianças autistas preferem uma vida rotineira e com horários. Mesmo se algumas delas parecerem ser independentes, é importante criar uma programação diária. Também é fundamental usar uma linguagem simples, enquanto estiver explicando essa rotina para a criança para que ela se sinta segura e não fique confusa.

Outros Artigos

Adotar Uma Criança Corretamente

Adotar Uma Criança Corretamente(0)

Muitos casais, por diversos motivos, acabam não conseguindo ter filhos da maneira convencional. Mulheres que fizeram cirurgias para não terem mais filhos e se arrependeram, homens que fizeram vasectomia, pessoas inférteis, etc. Ao invés do casal guardar o sonho de ter um filho e viver frustrado, adotar uma criança é a melhor opção. Ao adotar

Alimentação Para Bebê

Alimentação Para Bebê(0)

Um bebê precisa de alguns cuidados especiais para que possa crescer e se desenvolver de forma mais segura e saudável. A alimentação do bebê é uma das coisas mais importantes no fortalecimento da saúde dele, pois garante que ele terá todos os nutrientes que são necessários. Nos primeiros 6 meses do bebê é extremamente importante

Como Trocar a Fralda de um Bebê

Como Trocar a Fralda de um Bebê(0)

Para trocar a fralda do bebê é necessário coloca-lo numa superfície plana, existem muitos modelos de trocadores. Em seguida retire a parte de baixo a roupinha do bebê e com delicadeza abra as tiras adesivas que prendem a fralda. Segure o bebê pelas perninhas de maneira delicada e erga-o sobre a fralda, mas mantenha a

O Enxoval do Bebê

O Enxoval do Bebê(0)

Os bebês são uma grande alegria na vida das pessoas, porém na hora de montar o enxoval para esperar pelo pequeno, é importante saber o que comprar. Para te ajudar nessa questão, vamos te dar algumas dicas interessantes a respeito da compra dessas peças. Para fazer a maior parte das compras espere aquele momento entre

A Criança é, o que Fazemos com Ela

A Criança é, o que Fazemos com Ela(4)

Sempre que encontramos um adulto com dificuldades de relacionamento e de ter uma vida estável podemos presumir que infância e a educação dada pelos pais é em parte, a culpada por essa situação. A todos os pais dizemos que a criança é o que fazemos com ela. É importante ter dialogo e ensinar que existem

leia mais

4 comentários

#1Roupas de Bebe24 de julho de 2011, 4:56

Ótima dica, parabéns pela matéria.

#2dirliane11 de agosto de 2012, 23:38

eu que adota

#3mykaelle silva souza11 de março de 2013, 13:18

quero adotar um irmao minha mae que mandou pq que uma menina de 8 meses minha rua e rua santa lucia bairo das larangeiras jacaraipe numero do celular 98723750 ou 97259485 falar com cristiane ou com joelma ……. me dar essa criança porfavo eu sou sozinho so tem eu de filha bjooss obrigado pela atençao

#4joyce pereira fernandes9 de dezembro de 2013, 21:05

olar boa noite gostaria de adotar um bebe resenacida meu sonho e ter um bebe mais nao consigo ter um bebe porisso que queroi adotar preferencia menina morena clara cabelo cacheados ou liso tanto faz para mim tenho 17 anos minha mae com meu pai estar doido para eu adotar um bebe para eu e meu namorado ser felizes que tentamos ter mais nao conseguimos se voces poder ajudar eu adotar fico muito feliz meu numero e 035 98227087 moro em minas gerais cidade perdoes entra em contrado comigo pelo esse numero obrigada pela atenção de voces se deus quiser vai da tudo certo

Enviar Comentário

Nome:
E-mail:
Site:
Comentário:

Links Patrocinados

Arquivo

Siga-nos!

Categorias mais Procuradas

© 2010-2019 Mega Artigos Todos os direitos reservados. Política de Privacidade