Dicas Para Aumentar o Leite Após o Parto

Baixa Produção de Leite – O Que é?

Determinar a produção de leite está baixa é algo difícil, pois muitas mamães passam por algum momento em que questionam se a quantidade de leite que estão produzindo é normal. Isso é bem comum principalmente no começo quando o bebê está começando o processo de aleitamento e ainda é necessário que haja uma adaptação.

Imagem de Amostra do You Tube

Os médicos alertam que é bastante raro que uma mulher produza pouco leite após o parto e que o leite materno NUNCA é fraco. Na maioria dos casos as mamães têm a impressão de que estão produzindo menos leite, algo que faz parte da insegurança dessa fase.

A Impressão de Pouco Leite

Em geral essa preocupação aparece quando a mulher para de sentir o peite enchendo de leite ou mesmo quando o leite não fica mais vazando. Isso apenas significa que o corpo da mulher se adaptou as necessidades do bebê, mas não que está produzindo pouco ou muito leite.

Essa ideia de que se tem pouco leite pode ser decorrente de períodos em que o bebê passa por mais fome que o normal e no qual ele acaba mamando mais do que seria normal. A mãe começa a pensar que não está oferecendo leite suficiente, saiba que vai ter um momento em que a criação vai mamar menos.

Também existe o outro lado da moeda, ou seja, bebês que mamam apenas cinco minutos em cada peito e já se sentem saciados. Para algumas mães parece que o bebê parou de mamar porque ela não tem leite suficiente. Lembre-se ainda que os bebês choram para todas as necessidades e não somente por fome.

A Baixa Produção

Contudo existem sim casos em que a mãe após o parto não produz a quantidade de leite que é necessária para amamentar o bebê. Se isso acontecer com você fique tranquila, pois o problema é passível de solução. Cerca de apenas 2% das mães tem dificuldades físicas para produzir a quantidade de leite que é necessária.

Causa da Baixa Produção de Leite

É interessante saber que na maioria dos casos o problema da mamãe não está em produzir o leite, mas sim em conseguir entregá-lo ao bebê. Nesses casos a mãe produz o leite suficiente, mas o bebê não consegue pegar o peito da forma como deveria e não recebe a quantidade de alimento de que necessita.

O corpo da mãe produz o leite conforme o bebê pede, então quanto mais o bebê mamar mais leite a mamãe irá produzir. Dentre os motivos para produzir menos leite estão dores e machucados nos mamilos que tornam o ato de amamentar mais difícil, o bebê está muito sonolento e não pega o ritmo de mamada.

Também é possível que o bebê esteja usando a chupeta por muito tempo o diminui o seu desejo por sugar o seio. O corpo da mãe pode apresentar dificuldade para se adequar a rotina de mamadas de quatro em quatro horas. Uma maneira de contornar esse problema é amamentar o bebê quando ele pedir e não de forma tão rígida.

Problemas Físicos

Existe ainda a possibilidade de que a mãe tenha problemas físicos que podem atrapalhar a produção do leite. Esses problemas incluem questões hormonais ou mesmo uma cirurgia de redução dos seios. Os implantes de silicone apenas em casos raros atrapalham de algum jeito a amamentação.

Como Aumentar a Produção de Leite Após o Parto

Se depois de dar a luz ao seu bebê você não está produzindo leite suficiente pode tentar algumas técnicas.

Mamada por Demanda

A primeira for a de tentar incentivar o seu corpo a produzir mais leite é deixar o bebê mamar sempre que desejar e durante o período que quiser. Deixe que o bebê mame nos dois seios a cada mamada.

Chupeta

Tente evitar que o seu filho use chupeta, pois é importante que ele esteja com vontade de sugar o peito da mãe para estimular a produção de leite.

Evite Fórmulas de Leite

Evite complementar a amamentação do bebê com fórmulas de leite, faça isso apenas se não houver outra solução e com a orientação do pediatra. A produção de leite irá se ajustando devido a demanda do seu bebê.

Se o seu bebê é alimentado com a fórmula não terá fome para exigir mais dos seus seios e assim forçar o seu corpo a produzir mais leite.

Ajude o Bebê a Pegar o Seio

O bebê pode ter dificuldade para pegar corretamente o seio da mãe para mamar. Se isso acontecer ajude o bebê a abocanhar a aréola inteira. Quem tiver dificuldades pode pedir ajuda a um médico pediatra ou mesmo especialistas em amamentação.

Beba Bastante Água

Para produzir bastante leite é muito importante manter o seu corpo bem hidratado, isso significa beber muita água. Observe a sua urina, se ela estiver clara é sinal que está tomando água suficiente.

Esvazie o Seio

Se for possível tente tirar mais leite dos seios entre o período das mamadas, pois se o seio ficar vazio a produção acabará sendo estimulada. O leite que você tirou pode ser guardado para aqueles momentos em que o bebê tem mais fome. Também é possível guardar esse leite para se precisar sair de casa.

Ervas Que Ajudam

Algumas ervas são conhecidas por aumentar a produção de leite materno. Dentre essas ervas estão o funcho e a erva-doce (anis), você poderá prepará-las sob a forma de chá. Tem receitas de chás especialmente para ajudar a as mamães com dificuldade com o leite, mas é essencial consultar o seu médico antes de começar a tomar qualquer coisa.Existem chás que são contraindicados no período da amamentação. Se você não sabe de onde vem ou quais são as ervas não tome o chá.

Medicamentos

Existem medicamentos que acarretam como efeito colateral o aumento dos níveis de prolactina no sangue (o hormônio responsável pela produção de leite). Porém, é necessário ter muito cuidado com esses medicamentos uma vez que eles podem ter efeitos bem negativos. Sendo assim apenas tome um medicamento que tiver prescrição médica para não arriscar a saúde do seu bebê.

Outros Artigos

A Obesidade No Brasil

A Obesidade No Brasil(0)

A obesidade é uma doença que está preocupando muito as pessoas e é tida como um dos grandes males que assola a população mundial – principalmente nos países ricos e emergentes, podendo ser causa de inúmeras doenças que podem levar a pessoa à morte. No entanto as doenças e as mortes que acontecem por causa

Alimentos Que Trazem Benefícios Para os Diabéticos

Alimentos Que Trazem Benefícios Para os Diabéticos(0)

Se sabe que para ter uma boa saúde é necessário comer bem, da maneira correta. Alguns alimentos devem ser completamente abolidos da nossa mesa, enquanto outros devem entrar nas refeições diárias. Muito daquilo que comemos ou pelos menos, deveríamos comer, é rico em nutrientes, que ajudam a dar a energia necessária ao nosso organismo, a

Tudo Sobre o Soluço

Tudo Sobre o Soluço(0)

O soluço é um problema considerado bastante comum em todas as pessoas em âmbito mundial, e apesar de ele não causar incômodos, gera uma série de desconfortos e constrangimentos. O soluço nada mais é do que um fenômeno de reflexo que acontece através de uma contração do diafragma que é involuntária e ocorre através de

Dicas de Alimentação Na Terceira Idade

Dicas de Alimentação Na Terceira Idade(0)

Para os adultos mais velhos os benefícios de uma alimentação saudável incluem o aumento da acuidade mental, resistência às doenças, níveis elevados de energia, tempo rápido de recuperação e melhor gestão dos problemas crônicos de saúde. À medida que envelhecemos o ato de comer bem também pode ser a chave para uma perspectiva positiva e

Dicas Para Prestar Primeiros Socorros

Dicas Para Prestar Primeiros Socorros(0)

Muitas vezes a vida nos reserva surpresas que nem sempre são agradáveis, e infelizmente elas acontecem. Chega então um ponto que você de repente se sente obrigado a prestar primeiros socorros na rua, em algum tipo de comércio, no trem ou até mesmo na sua casa. Por este motivo é interessante que antes de se

leia mais

0 comentários

Enviar Comentário

Nome:
E-mail:
Site:
Comentário:

Links Patrocinados

Arquivo

Siga-nos!

Categorias mais Procuradas

© 2010-2017 Mega Artigos Todos os direitos reservados. Política de Privacidade