Como Superar a Perda de Um Animal de Estimação

Sentir-se triste e ficar de luto por causa da perda de um animal de estimação é completamente normal. Entretanto, muitas pessoas não entendem esse sentimento e criticam os que sofrem pela perda do seu bicinho, tratando como se fosse um exagero e dizendo que há pessoas no mundo que passam por problemas piores. Jamais compare seus sentimentos, eles são apenas seus e de mais ninguém. Se alguém te criticar, ignore, o que você está sentindo pertence apenas a você.

Fofas

Fofas

Obviamente, ninguém escolhe sofrer, e esse momento de tristeza é muito importante para que, com o passar dos dias, você volte a se sentir melhor. No entanto, se sentir mal não significa se afundar em um lugar escuro para sempre. Encontre formas saudáveis de lidar com a situação, dessa forma você terá a oportunidade de se lamentar, aceitar o que aconteceu, aprender a valorizar o tempo que você teve com seu animal e se recuperar. Veja que em nenhum momento dissemos que você irá esquecê-lo.

Esperamos Que Algumas Dessas Ideias Lhe Deem Conforto. Aqui Estão Algumas Sugestões:

O sentimento pertence a você: A primeira sugestão é a de não deixar ninguém dizer como você deve se sentir. Essa sugestão é ainda mais forte quando quem te critica é alguém que não partilha a sua vida com os animais, ou que nunca tenha tido esse tipo de perda. Não importa o tempo que conviveu com seu animal de estimação, você criou uma ligação forte, e você vai chorar como se fosse a perda de qualquer outro membro da família.

Assuma o seu sofrimento: Expresse o seu sofrimento. Não negue, não o reprima. Se isso significa liberar seus sentimentos gritando ou deitado na cama, no escuro, faça isso. Basta notar por quanto tempo isso está acontecendo. Faça isso enquanto for importante para que você se sinta bem, mas não deixe que esse sentimento tome conta de você.

Cerque-se de pessoas que te entendem: Há muitos grupos de pessoas que gostam de animais que você pode recorrer para ser consolado. Conversar com pessoas que passaram ou estão passando pela mesma perda que você contribui também. Você nunca sabe que suas palavras vão consolar.

Se não encontrar nenhum grupo, crie o seu próprio grupo de apoio. Pode ser até mesmo em redes sociais, como o Facebook. Isso pode ser terapêutico para você, pois estará honrando o seu animal de forma significativa, enquanto ajuda os outros ao mesmo tempo.

Guarde as lembranças: Mantenha um diário em que você possa gravar seus pensamentos, sentimentos e memórias. Compartilhe-o, ou mantenha-o apenas para si. Você pode colocar fotos de momentos especiais com seu animalzinho, contar fatos importantes. Essa é uma forma de se distrair e se lembrar dos momentos felizes que viveram juntos.

Imagem de Amostra do You Tube

Comece uma nova atividade: Você tinha uma rotina, e agora isso mudou. É normal se sentir um pouco deslocado por um tempo nos horários em que costumava preparar a ração do seu animal, na hora em que iria levá-lo pra passear, etc. Agora pode ser uma boa hora para começar um novo hobby, tente uma nova atividade. Ela irá preencher esse vazio, e criar uma nova rotina para você.

Lembre-se dos bons momentos: No início você sente como se o seu bichinho ainda estivesse por aí. Por um bom tempo depois que um animal morre, é comum que seus donos tentem enxergá-los pelos cantos da casa. Com o tempo, essa sensação vai diminuir, mas as lembranças não, e você vai finalmente ser capaz de rir de todas as loucuras que já fizeram juntos.

Aproveite Cada Momento: Você sabe que a morte é algo inevitável, certo? É difícil de dizer, e difícil de aceitar, mas vamos todos morrer, alguns mais cedo, outros mais tarde. É bom lembrar que a vida é curta, e devemos viver e amar ao máximo.

É muito fácil se sentir sozinho durante este tempo, o que obviamente só vai fazer você se sentir mais triste. Muito tem sido escrito sobre este assunto, porque não começar a ler alguns livros sobre as experiências de outras pessoas? Além disso, há muitos filmes também, assista-os. É sempre útil saber que outras pessoas já passaram por algo semelhante.

O Amor Animal

O vínculo humano-animal não tem amarras e nem jogos, apenas o amor incondicional. Isso costuma ser bem diferente do que experimentamos muitas vezes em nossos relacionamentos humanos, não é? Por isso não é de se admirar que a perda seja tão devastadora. Honre o que você tinha, valorize-o, e quando estiver pronto, encontre um outro amigo peludo para criar um novo vínculo tão bonito quanto o que se foi.

A perda de um animal de estimação é emocionalmente e fisicamente desgastante. Não é incomum ter dificuldade para dormir, e para comer. Ficar doente não vai te fazer nenhum bem.

Fazem Falta

Fazem Falta

Pode ser difícil falar sobre seu animal de estimação logo após a perda, ou mesmo dizer seu nome. Pode ser interessante compartilhar histórias e memórias com os outros membros da sua família. Afinal, eles também foram afetados. Seu animal de estimação era um membro da sua família. E como acontece com a perda de qualquer outro membro da família, você vai sofrer.

Os Animais Também Sofrem

Você pode não perceber isso, mas seus outros animais de estimação podem estar sofrendo a perda de seu companheiro assim como você. Mantenha-se atento para as mudanças no comportamento, principalmente na alimentação. Se você tem outros animais será mais fácil superar a perda.

Imagem de Amostra do You Tube

O Recomeço

Depois de passar pela perda de um animal de estimação, muitas pessoas dizem que não estão preparadas para viver isso de novo. Algo que deve ser primordial é que você nunca deve adotar um novo animal apenas para substituir o que morreu. Dê a si mesmo algum tempo, e quando você se sentir preparado, considere a ideia de adotar um animal sem lar. Você ainda tem muito amor mais para dar, e oferecer um lar a um animal abandonado é uma coisa maravilhosa de se fazer, para não mencionar o quanto faz bem para a alma.

Outros Artigos

Filmes Sobre a Síndrome de Down

Filmes Sobre a Síndrome de Down(0)

O Que é Síndrome de Down? O distúrbio genético conhecido como Síndrome de Down ou Trissomia do Cromossoma 21 é consequência da presença de um cromossomo 21 a mais, total ou parcialmente. O nome da síndrome foi dado como uma homenagem a John Langdon Down que foi o médico responsável pela primeira descrição da mesma

Comida Caseira para Gatos e Cachorros

Comida Caseira para Gatos e Cachorros(0)

Um assunto que se tornou bastante polêmico nos últimos tempos é a comida caseira para cães e gatos. Muitos donos de pets observam a tendência de preparar comida caseira para os seus amigos bicho como um perigo. No entanto, já faz algum tempo que as rações têm sido deixadas de lado por alguns proprietários de

Os Sintomas da Leucemia

Os Sintomas da Leucemia(0)

A leucemia é uma doença que afeta as células do sangue (leucócitos), e como toda doença sanguínea acaba passando por todo o corpo da pessoa, e pode afetar diversas partes do corpo humano (órgãos e tecidos). Os leucócitos são as células sanguíneas responsáveis pela defesa corporal, e eles sofrem transformações malignas, passando a se reproduzir

Animais Que Foram Para O Espaço

Animais Que Foram Para O Espaço(0)

Antes dos seres humanos irem ao espaço uma das teorias vigentes sobre os perigos do voo espacial a falta de capacidade em sobreviver a longos períodos de ausência de peso. Durante anos acontecem debate sérios entre os cientistas sobre efeitos da ausência de peso prolongado. Especialistas americanos e russos utilizaram macacos, chimpanzés e cães para

Causas do Formigamento No Corpo: Parestesias

Causas do Formigamento No Corpo: Parestesias(0)

Sensações anormais ao longo do corpo, tais como formigamento, são conhecidos como “parestesias”. Causados por danos nos nervos ou doenças que estão no organismo. É importante tratar o que pode levar à eventual dormência na área afetada. Muitos problemas potenciais são associados, vários dos quais são explicados neste artigo. Se sente que o seu corpo

leia mais

0 comentários

Enviar Comentário

Nome:
E-mail:
Site:
Comentário:

Links Patrocinados

Arquivo

Siga-nos!

Categorias mais Procuradas

© 2010-2019 Mega Artigos Todos os direitos reservados. Política de Privacidade