Os Sintomas da Leucemia

A leucemia é uma doença que afeta as células do sangue (leucócitos), e como toda doença sanguínea acaba passando por todo o corpo da pessoa, e pode afetar diversas partes do corpo humano (órgãos e tecidos).

Os leucócitos são as células sanguíneas responsáveis pela defesa corporal, e eles sofrem transformações malignas, passando a se reproduzir de maneira desordenada e causam a leucemia que pode afetar todo o ser humano e leva-lo a morte.

Um dos grandes males da humanidade moderna é o câncer. Essa doença está matando muitas pessoas, apesar de todos esforços dos médicos e cientistas em descobrirem a cura para esta enfermidade.

O Que É A Leucemia?

A leucemia é chamada de câncer do sangue, pois ela é uma enfermidade maligna que ataca os leucócitos (glóbulos brancos) do corpo humano e muitas vezes não possui a origem conhecida do seu surgimento. Esse tipo de câncer geralmente surge na medula óssea.

A característica principal desta doença é que ocorre o acumulo de células blásticas com anormalidades na medula óssea, e essas substituem as células sanguíneas que se encontram normais.

A medula óssea é o local do corpo humano onde são formadas as células sanguíneas. Ela ocupa a cavidade óssea, sendo popularmente denominada de tutano. Na medula se encontram as células precursoras (as chamadas células mãe) que dão origem a todos os elementos sanguíneos: plaquetas, glóbulos vermelhos e os glóbulos brancos.

Sintomas de Leucemia

Sintomas de Leucemia

Os Tipos de Leucemia

A Leucemia é uma doença que pode ser classificada de 02 (duas) maneiras: quanto a evolução e quanto aos tipos de defeitos existentes nos glóbulos brancos afetados.

  • Quanto à Evolução

Existem 02 (dois) tipos de leucemia quanto a evolução: a crônica e a aguda.

a)   Leucemia Crônica

Na leucemia crônica, os sintomas da enfermidade se desenvolvem de maneira gradual. De uma maneira geral, a leucemia crônica é diagnosticada em exames de rotina, e os sintomas ainda não apareceram ou se manifestaram.

Quando os sintomas surgem, eles vem com força moderada e vão aumentando aos poucos.

b)   Leucemia Aguda

Na leucemia aguda os sintomas aparecem de forma repentina e se agravam com grande velocidade (as células leucêmicas se reproduzem rapidamente). Quando as pessoas estão acometidas de leucemia aguda, elas procuram o medico, pois os sintomas já estão se manifestando e as pessoas já estão se sentindo doentes.

  • Quanto aos glóbulos brancos afetados

Existem 02 (dois) tipos de leucemia quanto aos defeitos existentes nos glóbulos brancos:

a)   Leucemia Linfoide – também é chamada de linfocitica ou linfoblástica, pois ataca as células linfoides e a sua ocorrência é comum em crianças;

b)   Leucemia Mieloide – também chamada de mieloblástica, pois ataca as células mieloides, sendo a sua ocorrência mais comum em adultos;

Os Principais Sintomas da Leucemia

Pessoas acometidas de leucemia podem apresentar um grande numero de glóbulos brancos, no entanto muitas dessas células são anormais e encontram-se doentes, por isso, na fase inicial da Leucemia, é normal não ter a existência de muitos sintomas, pois eles não se tornam visíveis e aparentes até o momento em que um grande número das células sanguíneas sejam afetadas e a suas funções fiquem prejudicadas devido o excesso de células blásticas (com leucemia).

Os sintomas podem vir a se manifestar de acordo com o local onde as células leucêmicas estiverem acumuladas (órgãos e tecidos) ou infiltradas: aparelho digestivo, rins, pulmões, nódulos linfáticos, olhos, testículos, cérebro e outras partes do corpo (amígdalas, linfonodos – as conhecidas ínguas, pele, rins, baço, Sistema Nervoso Central e outros órgãos).

O principal sintoma da leucemia é a ocorrência do acumulo de células blásticas na medula óssea. Esse acumulo, acaba impedindo a fabricação dos elementos sanguíneos de forma normal, e que acabam gerando no corpo humano uma série de doenças:

  • Ausência de produção de glóbulos vermelhos – redução da produção de eritrócitos (que ocasiona a anemia, fadiga, palpitação);
  • Ausência dos glóbulos brancos – redução da produção de leucócitos, responsável pelas defesas naturais do organismo (que causa infecções que podem levar o doente a morte);
  • Ausência de plaquetas – tende a acontecer vários sangramentos (que podem causar hemorragias);
Como Diagnosticar

Como Diagnosticar

Outros sintomas físicos que são manifestados pela ocorrência da Leucemia são: Febre, dores nos ossos e nas articulações (as células com leucemia infiltram nos ossos), náuseas, visão dupla, vômitos, dor de cabeça, sangramentos, manchas roxas pelo corpo, perda de controle muscular, perda de peso, inchaço abdominal, convulsão, cansaço, anemia e desorientação.

Alguns desses sintomas podem acontecer pelo fato do sistema nervoso central sofrer algum tipo de comprometimento.

Muitos dos sintomas da leucemia são similares ao de outras enfermidades comuns (como a gripe, por exemplo), e portanto não são sintomas claros de leucemia, por isso em qualquer sinal de duvida, procure um médico especializado para fazer os exames adequados e diagnosticar a doença correta para se tratar de forma correta.

Quando a Leucemia se instala no corpo humano, principalmente quando é do tipo aguda, ela progride com muita velocidade, por isso o tratamento precisa iniciar após o diagnostico para que não seja perdido tempo.

O Diagnóstico da Leucemia

Para diagnosticar a Leucemia, o medico irá analisar o histórico do paciente e fazer uma serie de exames. Alguns sinais da doença serão analisados: presença de caroços, inchaço do baço e do fígado, inchaço dos nódulos linfáticos e qualquer outro aspecto diferente.

Além disso, serão feitos exames médicos para verificação dos níveis das células sanguíneas, para analisar se existe algum tipo de alteração.

O médico pode solicitar exames (uma biopsia) na medula óssea para a conclusão do diagnóstico. Caso sejam detectadas células leucêmicas, o medico pode solicitar exames (raio-x, tomografia, ultra som) para verificar se a doença se espalhou para outros locais do corpo humano.

Imagem de Amostra do You Tube

O Tratamento da Leucemia

A causa da leucemia geralmente não é conhecida, por isso o tratamento contra essa enfermidade visa destruir todas as células leucêmicas existentes no corpo humano, para que desta maneira, a medula óssea consiga voltar a produzir células sanguíneas (glóbulos brancos, glóbulos vermelhos e plaquetas) normais.

A medicina já conquistou grandes avanços e progressos na luta contra a leucemia e para a obtenção da cura dessa terrível doença.

Uma das maneiras de tratamento é realizar a poliquimioterapia, que é associação de medicamentos com o intuito de controlar as complicações infecciosas e hemorrágicas, além de prevenir a ocorrência de doenças no sistema nervoso central (no cérebro e na medula espinhal).

Outra forma de obtenção da cura total é realização do transplante de medula óssea, onde é procurado um doador com a medula compatível com a pessoa enferma. No entanto, para realizar o transplante é necessário fazer um tratamento que contem varias etapas. A primeira etapa é remissão completa das células leucêmicas, para a obtenção de um estado de normalidade (aparente), através da poliquimioterapia. Essa situação é conhecida em torno de 02 (dois) meses após ter sido iniciado o tratamento e essa situação é validada pelos exames de sangue que não apontam mais células leucêmicas e demais anormalidades. Nesse momento, o doente está apto a passar pelo transplante de medula óssea.

Imagem de Amostra do You Tube

Outros Artigos

Filmes Sobre a Síndrome de Down

Filmes Sobre a Síndrome de Down(0)

O Que é Síndrome de Down? O distúrbio genético conhecido como Síndrome de Down ou Trissomia do Cromossoma 21 é consequência da presença de um cromossomo 21 a mais, total ou parcialmente. O nome da síndrome foi dado como uma homenagem a John Langdon Down que foi o médico responsável pela primeira descrição da mesma

Causas do Formigamento No Corpo: Parestesias

Causas do Formigamento No Corpo: Parestesias(0)

Sensações anormais ao longo do corpo, tais como formigamento, são conhecidos como “parestesias”. Causados por danos nos nervos ou doenças que estão no organismo. É importante tratar o que pode levar à eventual dormência na área afetada. Muitos problemas potenciais são associados, vários dos quais são explicados neste artigo. Se sente que o seu corpo

O Que É Onicofagia?

O Que É Onicofagia?(2)

A Onicofagia nada mais é do que o problema para roer unhas, durante todos os períodos de nervoso, ansiedade, fome, ou até mesmo tédio. Pode ser um sinal de problemas mentais sérios ou também emocionais. As crianças normalmente começam a roer unhas quando tem uma idade em torno de quatro a cinco anos de idade.

O Que Provoca as Dores de Cabeça e Como Evitá-las

O Que Provoca as Dores de Cabeça e Como Evitá-las(0)

Dores de cabeça são comuns para muitas pessoas e, muitas vezes, elas se repetem com muita frequência, o que pode interferir totalmente na vida de quem sofre com elas. Uma variedade de medicamentos pode ajudar a amenizar a dor de cabeça de controle, mas eles apenas mascaram a dor sem tratar a causa. Medicamentos para

Como Prevenir as Varizes? 10 Dicas Elementares

Como Prevenir as Varizes? 10 Dicas Elementares(3)

Varizes são dilatações dos vasos sanguíneos que ocorrem com maior frequência nas pernas, afetam cerca de metade da população adulta dos Estados Unidos. Geralmente são causados pela pressão nas veias que, ao longo do tempo, enfraquece as paredes dos vasos. Para a maioria das pessoas, varizes são apenas incômodos dolorosos. Em casos extremos pode causar

leia mais

3 comentários

#1gabrielle12 de maio de 2013, 17:13

oi eu amei isso eu estou fazendo um trabalho escolar e isso vai me ajudar muito

#2mariana14 de maio de 2013, 18:00

obrigada valeu muito

#3Mosquisto da dengue8 de abril de 2014, 17:34

Valeu a pena ter lido até o final foi muito esclarecedor!

Enviar Comentário

Nome:
E-mail:
Site:
Comentário:

Links Patrocinados

Arquivo

Siga-nos!

Categorias mais Procuradas

© 2010-2019 Mega Artigos Todos os direitos reservados. Política de Privacidade