O Que São Desertos Verdes?

Parece um tanto controversa a expressão deserto verde, entretanto, esse conceito é utilizado por ambientalistas para designar áreas que são ocupadas por grandes extensões cultivadas de árvores com o objetivo de produzir celulose. O termo deserto é empregado para ressaltar os danos que a monocultura causa ao meio ambiente. Dentre as árvores mais utilizadas para essa finalidade estão os pinus, eucalipto e acácia.

Os ambientalistas exemplificam os desertos verdes especialmente por meio de florestas plantadas pelas indústrias de papel e celulose (pinus e eucaliptos) assim como as lavouras de soja e cana. Não existem medidas que definam a extensão desses desertos, a definição deles se dá pelo uso de monoculturas que causam danos ao solo. Outra questão bem importante é a de que esses ecossistemas não têm a capacidade de sustentar a biodiversidade de animais e nem de outras formas de vida.

Os Impactos da Monocultura

A monocultura (cultivo de uma única espécie, nesse caso de árvores para a produção de celulose) tem impactos bastantes expressivos sócio-ambientais. Esses impactos são provenientes da forma como essas árvores são cultivadas, ou seja, no regime de monocultura extensiva.

A determinação da intensidade desses impactos depende das condições ambientais que existiam na área antes da chegada da monocultura bem como da espécie de árvore que irá ser cultivada. O tamanho da área que irá ser cultivada também é relevante, pois esses tipos de árvore geralmente promovem o processo de desertificação.

A Desertificação

As áreas em que essas árvores são cultivadas passam por um processo de desertificação devido ao fato de que essas espécies tem um crescimento bastante rápido o que faz com que elas absorvam mais água. Essa absorção intensa de água pode acarretar no secamento das nascentes e mesmo no fim de mananciais de água subterrânea que não conseguem suprir tamanha demanda.

Com o passar do tempo a ação dessas árvores afeta de forma bastante séria os recursos hídricos da região. Um exemplo da ação desses desertos verdes é o estado do Espírito Santo em que se tem a estimativa de que 130 córregos ficaram secos depois que foi introduzida a monocultura no estado. Isso causa impactos diretos nas comunidades que estão no entorno dos locais afetados.

Solos Prejudicados

Outro problema bastante sério que é causado pela monocultura é a exaustão dos solos que se tornam inúteis para o plantio de outras culturas. O solo ainda fica mais exposto durante dois anos depois do plantio ter sido feito assim como dois anos depois da colheita o que torna mais fácil o processo de erosão.

Imagem de Amostra do You Tube

Redução da Biodiversidade

Quando se transforma uma área numa monocultura se mexe com o habitat de muitos animais o que faz com que em muitas dessas áreas existam apenas formigas e caturritas que são as únicas espécies que conseguem sobreviver. Assim se tem uma grande redução na biodiversidade das áreas de monocultura.

Êxodo Rural

Os desertos verdes também têm implicações sociais, pois existe a necessidade de uma maior concentração de terras para se estabelecer a monocultura. Com isso as empresas adquirem as terras de muitos agricultores que se mudam fazendo um deslocamento de região que culmina num vazio populacional juntamente com o êxodo rural, mais pessoas vão para as cidades o que gera inúmeros outros problemas sociais como aumento do desemprego.

Mecanização

As monoculturas são em grande parte mecanizadas de forma que não há geração de empregos.

Desmatamento

O Brasil enfrenta um sério problema no que diz respeito a desmatamento em especial com o uso extensivo do eucalipto para alimentar os fornos das siderúrgicas o que acarreta no desmatamento de áreas vizinhas as indústrias.

Um Deserto Cheio de Árvores

Os desertos verdes são bem isso, desertos que são repletos de árvores. O termo deserto pode ser aplicado as monoculturas por várias questões tanto pelo efeito de desertificação que causam por meio da erosão como pela redução da biodiversidade. Ambientalistas e cientistas propõem que as monoculturas deixem de ter esse caráter e que nessas áreas seja feito o cultivo de outras espécies de vegetais.

A ideia é simples criar corredores dedicados ao cultivo de outras espécies de vegetais em torno das árvores produtoras de celulose. Contudo, as empresas ainda são bastante resistentes a adotar a ideia já que isso reduziria os seus lucros.

Outra possibilidade aventada pelos cientistas é fazer uma pesquisa com espécies nativas para a produção de celulose. Essas espécies causariam menos danos quando difundidas no meio ambiente uma vez que já faziam parte dele.

Possibilidades

Apesar de um ecossistema composto por uma única espécie ser bem mais pobre que um ecossistema natural com mais variedade ele pode ter alguns benefícios. Quando se tem plantações em larga escala como as de soja e cana é normal que sejam utilizadas técnicas intensivas de manejo como agroquímicos.

Isso pode fazer com que o solo se torne estéril e assim evitar que outras espécies de plantas ou animais possam viver nessa região. Entretanto, ainda assim é possível que esses desertos verdes se transformem em corredores entre florestas que tornam possível o intercâmbio de espécies.

Regeneração dos Desertos Verdes

Os desertos verdes como os de pinus e eucaliptos, bastante utilizadas pela indústria de celulose e papel, é possuem um ciclo de vida muito longo. Após serem cultivadas essas árvores e entre 7 e 20 anos de vida para serem cortados, esse tempo pode ser suficiente para que haja a regeneração das espécies nativas.

Definição Simples

Em poucas palavras podemos definir os desertos verdes como sendo grandes áreas que são cobertas por uma vegetação é introduzida de maneira artificial pelo homem. Essa introdução pode acontecer por reflorestamento com espécies não nativas (que não são da região) ou mesmo por plantações em grande escala.

A monocultura consiste no cultivo de uma única espécie numa grande área e isso impacta o ambiente em torno porque reduz ou acaba com as chances de que outras espécies possam surgir e se manter na região. O Brasil é repleto de exemplos de desertos verdes pelo fato de que existem muitas florestas plantadas com o objetivo de servir a indústria.

Outros Artigos

Reciclagem de Pilhas e Baterias

Reciclagem de Pilhas e Baterias(0)

A reciclagem de pilhas e baterias de celular é um processo bastante oneroso. Contudo, apesar de ser caro é extremamente necessário para o meio ambiente, pois baterias e pilhas possuem elementos químicos pesados como cádmio, chumbo, níquel, mercúrio e zinco que são responsáveis por intoxicar os rios, o solo, os animais e os vegetais, ou

Chuvas de Granizo – Como Se Formam

Chuvas de Granizo – Como Se Formam(0)

O Que é Granizo? O granizo pode ser chamado também de saraiva e consiste num tipo de precipitação em que caem pedaços de gelo ao invés de gotículas de água. Em geral esse processo é conhecido como chuvas de granizo ou chuvas de pedras. As famosas pedras dessa chuva são na verdade compostas de água

Países Mais Gelados do Mundo

Países Mais Gelados do Mundo(0)

Se você não gosta de inverno não pode nem sonhar em viajar para os países que vamos citar abaixo. Listamos os países mais gelados do mundo e nos quais o inverno é bem rigoroso mesmo. Prepare-se para não reclamar mais só porque o sol não deu as caras durante o inverno brasileiro, pois poderia ser

Como Se Forma um Furacão?

Como Se Forma um Furacão?(0)

Um dos fenômenos mais assustadores que o clima nos proporciona é com certeza o furacão, se você está entre as pessoas que se perguntam como é possível a natureza se manifestar de maneira tão avassaladora vai gostar do texto explicativo a respeito de como se formam os furacões. Acabe com a sua curiosidade e descubra

Tempestades de Areia – Como Ocorrem

Tempestades de Areia – Como Ocorrem(0)

As tempestades de areia parecem coisas sensacionais nos filmes de ação e aventura, não é mesmo? Não é algo que faz parte da nossa realidade imediata, mas nos fascina. Pensando nisso vamos esclarecer alguns pontos sobre esse tema, preparado para embarcar numa tempestade de areia? A Tempestade de Areia Em geral as tempestades de areia

leia mais

0 comentários

Enviar Comentário

Nome:
E-mail:
Site:
Comentário:

Links Patrocinados

Arquivo

Siga-nos!

Categorias mais Procuradas

© 2010-2017 Mega Artigos Todos os direitos reservados. Política de Privacidade